segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Lisboa é Fado (5)

Uma das últimas "lendas vivas" do Fado, Carlos do Carmo é um intérprete de excepção.
Vamos ouvi-lo num dos seus primeiros grandes êxitos.

4 comentários:

Paula Nunes Lima disse...

O fado, para mim, é Carlos do Carmo. Sempre.
Desculpem-me os apreciadores da Amália e do Marceneiro.
Paula Nunes Lima

Rui Luis Lima disse...

Caro José Quintela Soares!
Quando alguem me fala em fado só me lembro desse espantoso trabalho intitulado "Um Homem na Cidade", ainda hoje tocado aqui por casa.
Abraço cinéfilo
Rui Luis Lima

geocrusoe disse...

não sou um grande admirador de fado, embora por vezes goste mesmo de ouvir e quando morei na madragoa, sentia-o com mais força... mas, por norma, agrada-me sempre ouvir carlos do carmo

fatima mendes disse...

O Carlos do Carmo é sem dúvida, um Grande Senhor. "Um Homem na Cidade".