segunda-feira, 3 de março de 2008

Amoreiras


Amoreiras não é só centros comerciais, prédios novos e modernismo.
Ainda há imagens como esta, por enquanto.
Casas habitadas por pessoas idosas, que se viram rodeadas pelo progresso, pelo barulho, por multidões, onde antes reinava a pacatez e a tranquilidade.

2 comentários:

teresamaremar disse...

E persistem, pequenos oásis na cidade. Logo abaixo, o Jardim das Amoreiras, por essas casinhas rodeado. Assim, um cheirinho a outros tempos, entre verdes centenários e os arcos do Aqueduto.

geocrusoe disse...

penso mesmo que estes exemplos resistiram devido ao facto de estarem na faixa de protecção resultante da classificação do aqueduto das águas livres como monumento nacional, caso contrário, nem jardim, nem a casa da foto estariam cá hoje...