domingo, 10 de fevereiro de 2008

Belém


Assim se conserva o património em Portugal…
Jerónimos, CCB, Pastéis de Belém, e depois isto…

Como é possível?


3 comentários:

teresamaremar disse...

Não estou a localizar o edifício. Será privado? Apodrece enquanto não se decide de quem de direito ou herdeiros se não entendem?
Diz-se o Estado sem dinheiro para o socorrer?

Vai daí que cairá, porventura, em erradas mãos, que, num intento de o salvarem, o descaracterizarão.
Como acontece Portugal afora.

O jardim adjacente aos Jerónimos e Pastéis, não está ele em igual estado sem que o Estado lhe valha?
Lusos estares...

geocrusoe disse...

Não será mais um dos típicos e badalados casos em que proprietários deixam degradar belos imóveis até ruirem, pois que legalmente não podiam demolir e assim depois de irrecuperáveis, podem ocupar o espaço com um marmarracho enorme?

Oxyder disse...

é vergonhoso... mas em Lisboa encontram-se muitos contrastes desses...