segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Amálgama


Telhados, janelas, fios, cordas, paus, águas-furtadas, antenas e parabólicas, taipais, torre de igreja e sino, candeeiros, paredes, chaminés, vidros, estores.
E vegetação.
Verde no branco, com o azul do céu a saudar esta aguarela de motivos alfacinhas, na Lisboa de outras eras que se adaptou aos tempos modernos.
Nas traseiras da Ribeira.

3 comentários:

Pedrita disse...

que imagem linda, deu vontade de conhecer. e excelente foto, ótima luz. beijos, pedrita

Bic Laranja disse...

Formidável! Cumpts.

Giuliano disse...

Lisboa è sempre uma cidade bonita.