terça-feira, 25 de outubro de 2011

Sabe bem.


Em tempo de angústia, incógnita, tristeza e descrença, sabe bem olhar para uma janela florida e cuidada, mesmo que se constate que o colorido plástico substituiu o natural.
Ainda há quem se preocupe com o aspecto, e ainda que as aparências possam iludir, julgo que a dona desta janela em Alfama, vive de bem consigo.

2 comentários:

Clotilde disse...

Lindo, lindo!
Faz-me lembrar aqui a Suíça, sempre tão florida!!
Abraço
Clotilde

Maria João disse...

Pelo menos na sua janela, há mais cor para além do cinzento.

Um abraço